PSG divulga queda de receita de patrocínio em 2018

O Paris Saint-Germain registrou receita de patrocínio de € 94,1 milhões (US $ 106,5 milhões) em seu ano financeiro de 2018, uma queda de 13% em relação aos € 108,1 milhões registrados no ano anterior.

A queda segue um período de crescimento sustentado para o clube, que viu o valor do patrocínio aumentar em 523% desde a temporada 2011-12.

O PSG também multiplicou cinco vezes sua renda total desde 2011, chegando a € 540 milhões em 2018.

Os aumentos refletem a infusão de dinheiro no clube do grupo de propriedade Qatar Sports Investments, que comprou 70% do PSG em 2011 e os restantes 30% em 2012.

O PSG relatou os seguintes números de patrocínio nos últimos sete anos:

2017-18: 94,1 milhões de euros

2016-17: 108,1 milhões de euros

2015-16: 105,5 milhões de euros

2014-15: 96,5 milhões de euros

2013-14: 56,3 milhões de euros

2012-13: 18,3 milhões de euros

2011-12: 15,1 milhões de euros

Apesar da queda na receita de patrocínio, o PSG registrou cinco novos parceiros em 2017-18: Unibet, Renault, Socios.com, Lovebet e Hubside.

Ao mesmo tempo, Ooredoo, Orange, Mumm, American Express, Hugo Boss e Coca-Cola renovaram acordos com o clube. A Coca-Cola estendeu-se até 2021.

No ano, o PSG vendeu mais de 800 mil camisetas réplicas e lançou uma coleção com a marca Jordan, que vendeu 150 mil produtos no primeiro mês de vendas.

O PSG também abriu dois novos escritórios no exterior em 2017-18 – em Cingapura e Nova York.